Leonardo Boff- A Terra sujeito de dignidade e de direitos

Neste texto, publicado no Instituto Akatu, o teólogo e professor Emérito da UERJ  toca nos aspectos principais de suas reflexões, publicadas em seus livros. O autor parte da idéia central de que a Terra em si é um organismo vivo e, por isso, precisa ser cuidada como todo ser vivente.Ele se apóia especialmente na ciência cosmológica e na física quântica.

Assim, é preciso compreendê-la como um organismo autônomo, passível de direitos, que seriam “[…] de poder continuar inteira, limpa e com capacidade de reprodução e de regeneração.”

Partindo deste pressuposto, “está em discussão um projeto na ONU de um Tribunal da Terra que pune quem viola sua dignidade, desfloresta e contamina seus oceanos e destrói seus ecossistemas , vitais para a manutenção dos climas e da vida”.

É uma visão interessantíssima. O texto é sucinto, quem quiser conhecer mais sobre esta teoria, sugiro a leitura dos livros do autor, bem como do DVD “A Quatro Ecologias”. Infelizmente ainda não está disponível no youtube, mas pode ser comprado neste link.

Para ler o texto, clique aqui

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s